domingo, 14 de setembro de 2014
Eu jamais escrevo sem música, mas hoje eu não sei, algo veio em minha mente como um estouro e preciso escrever, de uma maneira mágica e emocionante.
Estava sentada em uma guia qualquer, olhando para aquele céu azul, que particularmente não gosto, os dias nublados são os meus favoritos, eu apenas olhei fundo para uma rua vazia respirei e me inspirei.
Andei pensando porque todos tentam definir algo tão bom com uma realidade tão massante ou sarcástica ? Ficam dizendo que devem olhar apenas pra frente e seguir sonhos e vontades próprias. Ah! Meu caro, uma vez aprendi que se não olharmos para o lado podemos perder o que a vida nos reserva de mais especial, e quando menos esperamos ela nos surpreende de uma maneira linda.
Um céu nublado cor-de-rosa, prédios verde-água, sim, pode (re)criar sua vida diversas vezes se quiser pois ela é um livro escrito à lápis e cheia de sinônimos e significados, as palavras não precisam ter somente uma definição, elas são suas palavras. (Re)crie seus olhares e sua realidade, aprenda a fazer certos acontecimentos suas histórias e experiências.
(Re)crie seu amor, ele pode ser a circunstância mais especial em seu cotidiano, quando estiver em um ônibus vazio ou lotado, tanto faz, olhe pela janela, escute a música mais estranha do seu Ipod e apenas sinta seu amor ali, mesmo que ele esteja três cidades mais longe, (re)crie a realidade e sinta o vento que o amor pode trazer. Ah! Ele é mágico... (Re)crie sua história e não passe à caneta, ela é sua, e não merece rabiscos.
Lari F

0 comentários:

A Blogueira

A Blogueira
Estudante de jornalismo,20 anos.Tenho uma paixão por romances, Paris, cor de rosa e morangos. Gosto de dias nublados e arranha-céus ... Apenas leia meus sonhos líricos.

Visitas

Instagram

Curta no Facebook

Twitter

Followers

Translate

Larissa Figueira. Tecnologia do Blogger.

Postagens mais visitadas