quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014
Sabe aqueles dias que você sente que está com uma dor de cabeça que não consegue nem abrir os olhos? Então, mas o problema nem sempre é dor de cabeça, é a nossa mente que está obscura, no lado escuro de todo o sinônimo de felicidade, como se o "aço" do coração tenho quebrado por motivos que você não reconhece, a alegria está perfunctória, tudo mágico, mas parece que uma flecha do nada te acerta, eu juro que não entendo o porque de certas coisas, isso me deixa realmente cabisbaixa, mas dizem que não devemos entender a perfeição do imperfeito.
Eu odeio a sensação ruim no peito, ela pode aparecer do nada e você acaba fazendo ou dizendo coisas que não queira, ou apenas pensando...Ainda não entendo o real significado de tudo isso, já já minhas palavras ficam confusas e pontos finais serão colocados no lugar de vírgulas, ou exclamações nas interrogações. Dizem que sonhar acordado é a coisa mais mágica que existe, mas os pesadelos podem aparecer também, ainda não entendo o real motivo dessas palavras, minha mente está cheia de nada, minha vida anda tão alegre que parece que toda essa confusão não é saudável, realmente estar  do outro lado da estrada por muitas vezes pode ser estranho, mas na verdade, minhas estranhices estão voltando, sempre que desocupo minha cabeça ideias vêm e vão, e isso é como comer fast food por um mês todos os dias, o estrago é simultâneo.
Quero deixar claro ao meu motivo de amor, o quanto é lindo ter a perfeição do imperfeito em um sentimento só, minha barriga toda manhã dói como se fosse a primeira vez, e ao receber olhares é uma mágica diária, sinto muito pela confusão, heterônimos nem sempre são uma boa ideia.
Lari.F

0 comentários:

A Blogueira

A Blogueira
Estudante de jornalismo,20 anos.Tenho uma paixão por romances, Paris, cor de rosa e morangos. Gosto de dias nublados e arranha-céus ... Apenas leia meus sonhos líricos.

Visitas

Instagram

Curta no Facebook

Twitter

Followers

Translate

Larissa Figueira. Tecnologia do Blogger.

Postagens mais visitadas