quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013
Para mim, hoje a vida pode ser representada de uma seguinte forma: um livro, em braco, nele posso depositar todas as palavras que vêm em minha mente. Nele está desenhado uma gaiola aberta com pássaros voando em volta das palavras, representando a minha liberdade, algumas com o passar do tempo foram riscadas porque não obtinham mais valor, outras foram retocadas pois acho que farão sentido por toda a minha vida.
Está chovendo, não água, e sim pensamentos a cada segundo me vem um momento de criação,  cada gota representa uma história, minha vivência,  as crio a partir disto. O livro está protegido de um guarda chuvas, todo colorido, ele serve de escudo, para que os pensamentos, palavras ruins se quebrem e se diluam pelo chão, ele também, com toda sua cor, representa minha felicidade, um tipo de alegria em viver no mundo das palavras, onde meu livro e meus pensamentos estão protegidos, por mim e minha vontade de viver, escrever, me expressar, deixando minhas histórias cada vez mais mágicas, e as palavras ruins quebrarem, desaparecerem para o pensamento de quem não acredita em liberdade.

Lari.F

0 comentários:

A Blogueira

A Blogueira
Estudante de jornalismo,20 anos.Tenho uma paixão por romances, Paris, cor de rosa e morangos. Gosto de dias nublados e arranha-céus ... Apenas leia meus sonhos líricos.

Visitas

Instagram

Curta no Facebook

Twitter

Followers

Translate

Larissa Figueira. Tecnologia do Blogger.

Postagens mais visitadas