sexta-feira, 27 de julho de 2012

Caminhando pelas ruas olhando o firmamento, vejo muita água em forma de algodão, um algodão tão doce quanto o seu sorriso. Um sorriso que brilha mais que a Lua em seus dias mais radiantes, um sorriso ainda sem definição, pois apenas vejo o seu brilho, não consigo continuar a andar porque você me cega… Como o raio que um dia o sol prometeu iluminar sua amada lua ate o ultimo dia em que o universo estiver vivo, enquanto estiver aqui não deixe de me iluminar porque se um dia seu brilho acabar, fico fraco e será difícil me recompor, pois o valor de um promessa depende da intensidade que você aplica para cumpri-la, nada pode deter o que se cumpre, é como a vida, se deixar de iluminá-la podemos cair em uma escuridão profunda, como a mais profunda treva, que só tem um remédio o meu ponto de paz a minha segurança. O teu sorrir.

Ewerton S. e Lari F.

0 comentários:

A Blogueira

A Blogueira
Estudante de jornalismo,20 anos.Tenho uma paixão por romances, Paris, cor de rosa e morangos. Gosto de dias nublados e arranha-céus ... Apenas leia meus sonhos líricos.

Visitas

Instagram

Curta no Facebook

Twitter

Followers

Translate

Larissa Figueira. Tecnologia do Blogger.

Postagens mais visitadas